© 2010 - 2011 Todos os direitos reservados Aos Fregueses da Freguesia Nos tempos que correm, precisamos de estar ,cada vez mais,  empenhados no apoio à população mais idosa e aos jovens. Não  podemos permitir que a nossa freguesia, continue a perder o que de  bom e belo tem. E também não é justo vermo-nos, cada vez mais,  isolados e esquecidos, em relação ao Litoral. Todos os dias luto para que esta situação se inverta, mas cada vez se  torna mais difícil, mediante o contexto em que este país se encontra.  Muitas pessoas não sabem a qualidade de vida que se pode ter na  nossa freguesia. Vejamos: estando a 10 minutos de tudo, com vias  rodoviárias do melhor que há; transportes públicos razoáveis, qualquer  pessoa poderá trabalhar, por exemplo em Castro Marim, Vila Real de  Santo António ou até em Espanha e regressar depois a casa,  usufruindo do descanso e do sossego merecido, depois de um dia de  trabalho. A qualidade de vida da nossa freguesia não tem qualquer comparação  com aquela que se tem numa Vila, dentro de um apartamento. É  verdade, que ainda faltam algumas coisas... Mas acreditando na  palavra dos homens, estarão para breve. Acreditem, que eu acredito! Um abraço amigo, António Baltazar.